Posted by : Lucas Stalker terça-feira, 9 de junho de 2015


Saudações, caídos! Resolvi postar aqui os reportes de sessão de uma campanha antiga minha (tem mais de três anos!), mas que perdura até hoje. Farei apenas uma introdução nessa postagem sobre a campanha e o cenário - nas próximas postagens já começarei os reportes. Contemplem Fallen!

Fallen se trata de uma campanha no estilo medieval iniciada a mais de três anos que narro até hoje para dois amigos. Já tivemos outros jogadores e participações especiais, mas em geral o grupo não mudou. Resolvi fazer algo parecido o que fazem na Mais de Mil Dados e ceder apelidos para esses caras, chamando-os de Lolicon e Caído. Pois bem, a campanha começou em meados do fim de 2011 ou início de 2012, não lembro bem. Eu era bem noob nessa época, mas a gente se divertia muito, e isso que importa! Utilizava um sistema próprio baseado em Final Fantasy Tactics e não conhecia ou ligava para outros sistemas, e embora não tenha sido um bom sistema, rendeu divertidas tardes com a galera.

O grupo teve início com Caído e um outro amigo nosso, meu irmão Bean, sem a presença de Lolicon. A criação dos personagens foi rápida e não exigi um bom Background, pois faríamos isso com o decorrer da história. O grupo era composto por:


Hiei Beowulf (Caído) – Aprendiz Lvl 1
Príncipe de um reino em guerra, após um incidente causado pelo próprio Hiei, ele foi punido e obrigado a participar da Escola de Guerra de Fiore.

Te conheço de algum lugar...
Phillip Van Grodo (Bean) – Aprendiz Lvl 1
Membro de uma família nobre de magos, entrou na Escola de Guerra de Fiore para agradar seu pai, ficando mais poderoso.



Tyler Lannister – Aprendiz Lvl 1
Teve seus pais mortos durante um ataque de estranhos demônios. Entra na Escola de Guerra para se tornar forte e guerrear contra o inimigo do reino.



Michaela White – Aprendiz Lvl 1
Jovem ingênua e pura, entra na Escola de Guerra de Fiore para purificar o mundo da ameça dos demônios inimigos.



Summer Stratos – Lvl 1
Especializada em armas de fogo, esta jovem é fria e rígida, sem nunca demonstrar emoção. Tem objetivos misteriosos na Escola de Guerra de Fiore.


O cenário e a campanha

Como não conhecia nenhum cenário na época, criei meu próprio baseado em jogos, animes e livros. Admito que vendo hoje, ficou bem clichê, mas acho que foi satisfatório para alguém de 15 anos...

Tropas de Fiore vs Lorde Chaor: uma clara diferença de poder

Fiore era um reino próspero e rico, com natureza e vida abundantes, um mundo a se explorar. Criaturas malignas eram raras, sendo animais selvagens e armadilhas naturais o maior perigo, pois mesmo o homem era puro. Porém, aconteceu. Ele veio. Caindo do céu um demônio poderosíssimo e maligno surge, capaz de criar exércitos e mais exércitos de criaturas tão malignas quanto ele, leais e poderosas. O demônio se autointitula Lorde Chaor e ameaça invadir Fiore com suas tropas profanas, tendo como resposta o ataque dos guerreiros fiorianos. Em vão, pois sendo um mundo tão pacífico, Fiore possuía poucos soldados, e somente alguns eram realmente fortes. Isso obriga o reino a formar a sua primeira escola de guerra, a famosa Escola de Guerra de Fiore. Anos se passam e Chaor apenas conquista mais e mais territórios, tendo como oponentes fracos soldados. Logo a população se desespera, o Lorde tomara quase metade do reino! Não há mais espaço para derrota, Fiore precisa mandar a elite de seu reino e é aqui que começa a primeira temporada de Fallen, chamada de Medieval Wars.


A campanha se passa neste reino, Fiore, e tem como objetivo a derrota de Lorde Chaor. Tendo muitas bases na série Final Fantasy, a primeira temporada de Fallen frisa bastante e evolução dos personagens e a passagem por várias mudanças no estilo de combate. Tem várias referências a jogos e animes, algumas explícitas, outras nem tanto, mas sempre com muita risada e bagunça.

Se tem uma coisa que eu aprendi nessa época e tenho como regra até hoje é que RPG tem de ter interpretação. A interação é o que diferencia o RPG de um MMO qualquer, isso é algo que deixo bem claro para os meus jogadores. Se não quer interpretar, vá só brincar de rolar dados, mas não jogar RPG! Fallen sempre foi muito importante pra mim por isso, sempre prezamos a interpretação e a diversão!


Bom, por hoje é isso, pessoal! Espero que tenham gostado, na próxima postagem farei o primeiro reporte de Fallen – Medieval Wars. Mas e vocês, possuem alguma campanha antiga que é muito especial pra vocês? O que aprenderam com ela? Comentem aí

{ 2 comentários... read them below or Comment }

- Copyright © Crítico 6 - Date A Live - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -